© 2019 por Maria Freitas. Orgulhosamente criado com Wix.com

Ah, mas eu quero a versão física!

Não tem problema!

Através do botão abaixo, você pode garantir o seu exemplar AUTOGRAFADO por R$ 38,90 com frete GRÁTIS e um brinde exclusivo.

Quadrado Amanda.png
 

Quer  receber a versão em e-book de Sempre estive aqui totalmente DE GRAÇA no formato que você quiser?

 

Então, se inscreva abaixo!

Quer saber mais sobre o livro?

Sempre estive aqui conta a história de amor de Karin e Thiago. 

 

Ela sempre quis encontrar um grande amor. Ele sempre amou Marcela, sua ex-mulher. Eles nunca se notaram, mesmo trabalhando no mesmo prédio e frequentando os mesmos lugares. Até uma chuva, um acidente de carro e uma viagem à Acapulco.

 

Agora, Karin está a um passo de viver o amor que sempre sonhou, mas Thiago esconde um segredo que pode estragar tudo. Será que é tarde demais?

Karin

É uma editora de livros bissexual, que sempre sonhou em encontrar um grande amor.

Thiago

É um designer gráfico e ilustrador que acabou de se separar de sua ex-mulher.

A narradora

Sempre estive aqui é um livro narrado em terceira pessoa, no entanto, a narradora faz parte da história.

O livro

O que está escrito na contra-capa

Memórias são muito mais do que imagens e vozes em nossa cabeça. Somos formados por elas, moldados por elas, limitados por elas. Mas até que ponto? O que somos nós, além daquilo que lembramos? O que sentimos, além do que aprendemos a sentir? 

 

Será que amamos pequenos fragmentos de lembranças? Ou existe algo realmente maior por trás de tudo, através de tudo, cercando tudo? 

 

Será que amamos aquilo que lembramos? Ou será que, de algum jeito, o amor sobrevive além disso?

 

O que nos leva à pergunta universal: o que é o amor?

 

Karin soube, quando, naquele elevador, ele olhou para ela. Sentiu, quando ele chamou seu nome pela “segunda” primeira vez.

 

Ela o amaria se não se lembrasse dele?

 

Será que ele se lembraria dela?

 

Sobre a autora (a outra, não a Amanda)

Maria Freitas é escritora e jornalista. Nasceu em 1994, é compositora, bissexual, whovian e apaixonada por novelas, gosta de escrever sobre seres humanos (nem sempre vivos) e seus traumas, o que dá para ver claramente em seus romances, As razões de Cris e A vida imperfeita de Teca, e em suas novelas Encontre Joana e As razões de Henrique.

 

Não sabe escrever contos, mas já participou de três antologias com temática LGBTQIA+, O amor está no ar, Amores de Outrora e Resilientes, e organizou outras duas, Antologia Resistência e O Papai Noel não vem aqui.

 

O que já falaram sobre o livro

A Maria escreveu um drama disfarçado de romance, nos entregou um casal lindo, e nos fez torcer por um (im)possível trisal, ela nos presenteou com personagens maravilhosos, e finalizou nos dando um murro. FIM!

Maria mais uma vez nos surpreende com uma história que tem muito a dizer e nos fazer pensar. Ela criou personagens apaixonantes e ficamos completamente envolvidos nesse romance com reviravoltas inimagináveis e de tirar o fôlego, acompanhado, é claro, daquele famoso tapa na cara.

Sempre estive aqui é um drama surpreendente. Uma história apaixonante que vai te lembrar sobre a força do amor de uma forma não convencional e muito bela. Nela, Amanda Or vai levar os seus sonhos românticos pra passear e te questionar o tempo todo: quando começa esse amor, quando acaba esse amor, o que é o amor? Será que sabemos amar? Deslizando entre o puro e o trágico e dando espaço às minorias de uma forma muito inteligente, este é um livro sobre verdades questionáveis.

Ana Carolina de Moura @attanacarol

Evelyn Moraes @evybooks

Mariana Madelinn - Escritora

 

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato comigo!

 

(33) 9 9805-5639

  • Preto Ícone Instagram
  • Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon
 
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now